A Feira Cultural de Ceilândia está de volta aos palcos presenciais da cidade! Em sua oitava edição, o projeto retorna para aquecer o último fim de semana junino, nos dias 25 e 26. A programação irá ocupar a Casa do Cantador, sempre a partir das 15h, com shows do pernambucano Adiel Luna, do rapper RAPadura Xique Chico e de artistas locais como Japão (Viela 17), Margô Oliveira, Caco de Cuia e Marcelo Café. A entrada é franca e a classificação é livre para todos os públicos.

O projeto Feira Cultural de Ceilândia a cada ano se consolida no calendário cultural da cidade. Em 2022, depois de duas edições online, celebra o retorno presencial das atividades artísticas na histórica Casa do Cantador. Como sempre, integra música, poesia e teatro popular, colocando no mesmo palco artistas locais estreantes, nomes consagrados na cena musical do Distrito Federal e participações especiais de artistas nacionais.

A atração principal desta edição é o poeta, cantador e violeiro pernambucano Adiel Luna, considerado o principal representante da nova geração do coco de improviso no estado de Pernambuco. Adiel sobe ao palco no domingo, 26, compartilhando com o público uma autêntica sambada de coco. O show traz parte do seu repertório autoral, atravessado por poesias e contação de causos, com a participação do grupo goiano Tronco do Anjico.

 

 

No sábado, 25, quem chega puxando o bonde é RAPadura Xique-Chico, rapper e compositor cearense criado no Distrito Federal. Com um consagrado trabalho voltado ao universo do canto falado, RAPadura pisa na Casa do Cantador, o palácio da poesia, apresentando a mistura contemporânea do rap com tradições nordestinas como a embolada, o coco e o baião.

Entre as atrações locais da tarde de sábado, que começa às 15h, a programação recebe espetáculo do grupo de teatro popular Mamulengo Fuzuê e shows com a cantora Bianca Shelyne, o cantor Sérgio Pereira e a banda de reggae Deus Preto. Abrindo a noite, sobem ao palco o grupo Taleta de Bambu, seguido do samba reggae de Marcelo Café e do forró candango do grupo Paraibola.

No domingo, também a partir das 15h, se apresentam a cantora Josiane Araújo, Margô Oliveira com música e poesia, o reisado do grupo Ciartcum e a banda Som de Classe. Quem abre a noite é Japão (Viela 17), rapper e ativista ceilandense com 30 anos de carreira. Às 19h, Caco de Cuia compartilha ritmos da nossa cultura popular, esquentando o palco para o show de fechamento, com Adiel Luna.

Os dois dias de programação terão ainda a participação de DJ Sá, tocando sua Discotecagem Afrobrasileira nos intervalos entre os shows, com pérolas musicais tradicionais e experimentais. Como em todo ano, a Feira Cultural de Ceilândia abre também espaço para expositores criativos, em uma feira recheada de artesanatos, cordéis, brechós e culinária brasileira.

 

PROGRAMAÇÃO

25 de junho – sábado
– 15h: Bianca Shelyne
– 15h50: Mamulengo Fuzuê
– 16h40: Sérgio Pereira
– 17h30: Deus Preto
– 18h30: Taleta de Bambu
– 19h20: Marcelo Café
– 20h10: Paraibola
– 21h: RAPadura Xique-Chico (CE/DF)

26 de junho – domingo
– 15h: Josiane Araújo
– 15h50: Margô Oliveira
– 16h30: Ciartcum
– 17h20: Som de Classe
– 18h10: Japão (Viela 17)
– 19h: Caco de Cuia
– 19h50: Adiel Luna (PE)

25 e 26 de junho
– Intervalos com DJ Sá (Discotecagem Afrobrasileira)
– Feirinha criativa com expositores diversos

 

SERVIÇO
8ª Feira Cultural de Ceilândia
Quando: 25 e 26 de junho (sábado e domingo)
Onde: Casa do Cantador – Ceilândia Sul
Classificação indicativa: livre
Entrada: Franca
Redes: @arteceiproducoes/